terça-feira, julho 25, 2006

Prontinha!




Grão a grão enche a galinha o papo! Já juntei os 100 quadrados! Esta é, para mim, a parte mais exaustiva de fazer uma colcha em patchwork... Gostei muito do resultado final e ficou mesmo bem no meu cantinho na Feira de Artesanato do Estoril...

Ontem o dia correu mesmo bem, com excepção do pormenor de ter entornado gasolina nos pés na bomba e de ter deixado a chave do cadeado do stand em casa... Valeu-me um colega conseguir abrir as portadas de cima do stand; ainda ter força de braços para entrar no stand como se o fosse assaltar e a paciência do Ricardo em me levar a chave, depois de um dia duro de trabalho e de dois pequenotes à espera dele para ir para cama! É que neste fim-de-semana, numa pequena brincadeira no parque infantil, descobri que estou um caco e já nem me consigo soerguer numa trave! Em Setembro, há que começar uma ginástica a sério!

Mas estava eu a contar que ontem o dia correu muito bem! Não só pelas peças que vendi, como pelas palavras simpáticas que ouvi, como pelos contactos que arranjei... Cheguei ao final da feira tão contente, que consegui fazer o pior embrulho de sempre! É verdade que embrulhos nunca foram comigo, mas o de ontem foi... Hoje vou arranjar alternativas a estes embrulhos (já bastou uma vítima!) e arranjar um porta-fita-cola (será que é assim que se escreve?!), porque até a fita-cola do embrulho levava pedacinhos de tinta da bancada! Aqui fica também um obrigado à paciência dos dois jovens que levaram o embrulho...

3 comentários:

Anocas disse...

Parabéns! Está lindíssima :)

lagarto disse...

Deixa... os embrulhos são sempre para desembrulhar e... o q interessa é o conteúdo! E, esse todos nós sabemos q é de excelente qualidade... Parabéns!

Rosa disse...

Que linda!